Viagem Cultural

Dicas e opiniões sobre assuntos diversos.

PATAGÔNIA ARGENTINA: EL CALAFATE E USHUAIA

Localizada na Província de Santa Cruz, El Calafate é uma pequena e muito pitoresca cidade. Este é um aldeamento turístico com mais de 20.000 habitantes. Tem uma infra-estrutura turística ideal, inclusive com o magnífico ambiente natural, com todas as comodidades necessárias para uma estadia confortável. Com a proximidade impressionante do Parque Nacional Los Glaciares (fundado em 1937), a 80 quilômetros, é conhecida como a Capital Nacional das Geleiras. É a cidade mais próxima para visitar o famoso Glaciar Perito Moreno, declarado Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO em 1981. Outros glaciares como o Upsala, o O’nelli e o Spegazzinni também compõem o cenário, onde podemos observar milhares de nuances do branco ao azul no alto da cordilheira dos Andes, a paisagem é de tirar o fôlego, conta também com grutas, cascatas, bosques e cavernas que o visitante poderá explorar.

Ficamos hospedados no Hotel Esplendor. É um bom hotel com internet livre, quartos aconchegantes, café da manhã variado, funcionários atenciosos e uma bela vista. O hotel está localizado na parte alta da cidade, são aproximadamente 10 minutos do centro caminhando. Pessoas com dificuldade de locomoção, muito idosas ou sedentárias terão dificuldade ao se hospedarem porque na volta a subida é íngreme. Ficaria nesse hotel novamente porque possui uma boa estrutura.

A  cidade é muito bem cuidada e tranquila, você pode caminhar seguramente. Tem um comércio variado, além de restaurantes, sorveterias e chocolaterias, entre outros.  Experimentamos e gostamos dos chocolates artesanais LAGUNA NEGRA – Av. Libertador, 1250 e também dos chocolates OVEJITAS DE LA PATAGONIA – Av. Libertador, 1197. Um bom restaurante é o LA LECHUZITA – Av. Libertador, 1222. A TRATTORIA PIZZA & PASTA – Av. Libertador, 1359 também é uma ótima opção para quem quer saborear uma massa de primeira, as porções são fartas, o preço não é barato, mas vale a pena conhecer.

Para praticar atividades no gelo é necessário roupa e equipamento adequados, alugamos numa loja chamada PATAGONIA SHOP – Av. Libertador, 995.

Passeios:
– PARQUE NACIONAL DOS GLACIARES (Glaciares: Perito Moreno, Viedma, Upsala, Mayo e Frías; Estâncias: Helsingfors, La Cristina e Nibepo Aike; Lagos: Viedma e Argentino). O Parque e Reserva Nacional Los Glaciares ocupa uma superfície de 724.000 hectares, localizado a sudoeste da província de Santa Cruz. É uma área protegida que no ano de 1981, tornou-se Patrimônio Mundial da Humanidade (UNESCO). Entre bosques, montanhas, estepes e lagos você poderá apreciar a fauna e a flora da região, onde encontramos patos de los torrentes, huemul, cauquenes, águilas mora, ranita de cuatro ojos, etc. Aproveitamos para fazer um passeio de barco muito lindo ao Glaciar Perito Moreno, vale a pena conferir!

– No inverno é possível patinar no gelo, quando o Lago Argentino se congela e a zona da Bahia Redonda se converte em uma grande pista de patinação muito apreciada pelos turistas, que também podem praticar esqui no Centro de Ski Parque de Nieve. Bom, independente da estação do ano, Calafate é uma cidade que proporciona a seus visitantes várias atividades, como: cavalgadas, caiaque, 4 x 4, snowboard, fly fishing, mountain bike, trekking, trilhas arqueológicas (Cuevas del Walichu), entre outras.

– Na cidade você poderá conhecer a LAGUNA NIMEZ onde se encontram várias espécies de aves, como patos, cisnes, flamengos, entre outras. O Centro Administrativo P. Nacional Los Glaciares proporciona a seus visitantes principalmente identificar a flora local e  o Museu Centro de Interpretacíon Histórica que convida seus visitantes a viajar no tempo 100 milhões de anos atrás para conhecer a história natural e humana da região patagônica.

Ushuaia é uma cidade da Argentina e capital da província da Terra do Fogo. É conhecida como “A Cidade do Fim do Mundo”. Possui um dos mais impressionantes complexos de esqui do mundo onde a paisagem é sempre fantástica, com a grande cordilheira dos Andes desabando no mar num movimento abrupto de 90º na direção leste. São os cumes dessas montanhas que formam os estreitos golfos e canais marítimos (fiordes), onde se refugiaram belas e diversificadas formas de vida. Os bosques entre as montanhas, que no inverno estão cobertos de neve, de repente, na primavera, a partir de outubro, revestem-se de flores de rara beleza, só encontradas nessa região do mundo, muito pouco percorrida pelo homem. Por causa das nevascas e do clima inóspito, que afastaram os predadores humanos, a região abriga os únicos e últimos bosques antárticos do planeta. Ushuaia conta com boa infra-estrutura hoteleira e gastronômica, onde são servidos pratos tradicionais da região como a centolla, a merluza-negra, os mariscos, os pescados e também o assado de Elha da Patovagônia.

Nos hospedamos no Hotel Del Glaciar. Posso destacar nesse hotel o atendimento cordial dos funcionários que fazem o máximo para satisfazer os hóspedes e também não posso deixar de destacar a vista maravilhosa que o hotel proporciona aos seus hóspedes. Ele fica no topo de uma montanha, acho que é um dos últimos hotéis daquela rota, fica bem no alto. Porém, não tem serviço gratuito de transfer até a cidade, você acaba gastando com táxi toda vez que vai sair. Também não achei que o café da manhã seja compatível a um hotel quatro estrelas. Concluindo… eu não me hospedaria lá novamente até o hotel melhorar seus serviços.

Passeios:
– Parque Nacional Tierra del Fuego. O passeio dura cerca de meio dia. O parque está localizado a 12 km a oeste da cidade de Ushuaia, na fronteira com o Chile. Dentro do parque você poderá apreciar a flora local composta de diferentes tipos de árvores, arbustos e flores. A sua fauna é composta por diversos animais nativos e outros introduzidos como a raposa vermelha, castores, coelhos e várias espécies de aves (mais de noventa).

– Lago Escondido e o Lago Fagnano, onde pudemos apreciar uma vista muito bonita. O Lago Fagnano é o maior lago da província da Tierra del Fuego.

– Excursiones Marítimas, onde o turista pode fazer um percurso mais curto (2h30) ou um percurso mais longo (8h). Fechamos a excursão Isla de los Lobos + Faro Les Eclaireurs + Trekking (conhecemos também a Isla de los Pájaros, as Islas Bridges). No percurso maior você poderá conhecer a Isla Gable, a Pingüinera, a Isla Martillo e a Estancia Harberton. Existem várias empresas nesse ramo, todas elas com preços similares, fechamos com a Canoero Catamaranes que nos proporcionou um belíssimo passeio.

– El Tren del fin del Mundo… percorrendo o mesmo caminho utilizado pelos presos há cem anos. As paisagens são compostas pelo sinuoso rio Pipo, pela cachoeira Macarena e pelo majestoso bosque, percorrendo uma parte inacessível do Parque Nacional Tierra del Fuego, a bordo de um trem de ferro da época com suas locomotivas a vapor – Locomotivas Camila, L. D. Porta e a locomotiva H. R. Zubieta.

Não deixe de experimentar a maravilhosa Centolla Fueguina/Fuegian King Crab (“Caranguejo Gigante”) porque no Brasil o preço é bem caro e lá o preço é justo. Fomos ao Tante Nina Restaurante – Gdor. Godoy, 15 (9410). O restaurante é muito aconchegante, tem uma vista linda e oferece também pescados, mariscos e pastas caseiras.

A cidade de Ushuaia (“livre de impostos”) tem um Dutty Free Shop Atlántico Sur – San Martín, 627 – onde há boa variedade de produtos, porém, não percebi diferença entre o Dutty Free Shop do Aeroporto de Buenos Aires que tem muito mais variedade e achei a cidade de Ushuaia bem mais cara em relação a cidade de El Calafate, se você for conhecer as duas aproveite para comprar em El Calafate.
Em termos de natureza, ambas as cidades tem muito a oferecer, mas se você tiver que escolher só uma para conhecer, eu indicaria a cidade de El Calafate que é muito organizada e bem cuidada, já a cidade de Ushuaia parece “largada” pelas autoridades, com entulhos e pouca organização, embora apresente grande número de turistas como El Calafate.

 
Anúncios

14/10/2012 - Posted by | Viagens | , ,

1 Comentário »

  1. Eu dei uma olhada e alguns artigos do site e achei alguns post sobre agencia de turismo e pacotes para Bariloche e Argentina.
    Parabéns pelo ótimo trabalho!!

    Eu não pude deixar de notar que você esta indicando algumas empresas clássicas nos seus artigo sobre agencias de turismo. Eu também trabalho com uma nova agencia de turismo que trabalha com estas viagens e outras.

    Na verdade, seus artigos vieram muito a calhar porque nos estamos nos atualizando para estabelecer um alto nível para as agências novamente, nos tornado agentes do futuro e criando novos pacotes para viagens, em trailer pelos Estados Unidos, por exemplo.

    Aqui esta o link do site: LINK caso queira dar uma olhada, pode até ser legal para ser mencionado como uma opção no seu artigo.

    De qualquer forma continue com esse trabalho incrível!
    Equipe Hora da Viagem – Agência de Turismo

    Comentário por Agência de Turismo | 21/09/2016 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: