Viagem Cultural

Dicas e opiniões sobre assuntos diversos.

A INFLUÊNCIA CATÓLICA NO MUNDO ATUAL

cristo_redentor

Quando o imperador romano Constantino fundou o catolicismo, ele não criou somente uma nova religião. Sem saber ele estava criando um novo império. E foi exatamente após a queda do Império Romano que esse império começou a surgir.

Enquanto pertencia ao Império Romano, a igreja estava sujeita as ordens dos imperadores. Com o fim do Império ela começou a adquirir autonomia.

Porém, por ter sido criada por um imperador pagão, muitos elementos do paganismo foram introduzidos dentro da igreja cristã. A maior prova disso são os “santos” católicos que se assemelham aos deuses mitológicos romanos.

Mas não foram só os deuses que ela herdou do antigo império. Três características importantes foram introduzidas dentro da igreja que lhe garantiu a sobrevivência após as invasões bárbaras: centralização do poder, hierarquia e formação acadêmica.

A centralização do poder, através da figura do papa, dá à igreja o status de império. O papa é o líder máximo dentro do império católico. No princípio quando não existia a figura do papa, a igreja estava dividida em cinco sedes, num sistema conhecido como pentarquia, onde os patriarcas de Roma, Constantinopla, Alexandria, Antioquia e Jerusalém eram os líderes da igreja. Após a queda do Império Romano em 476, a autonomia do bispo de Roma foi crescendo até que ele se tornou o líder máximo da igreja católica.

E assim como qualquer imperador, o papa ocupa o cargo até o final de sua vida, se não abdicar desse direito.

A hierarquia dentro da igreja também é uma qualidade que deve ser destacada. Ao contrário do que acontece por exemplo nas igrejas evangélicas; onde qualquer líder se auto denomina pastor, bispo, apóstolo, missionário, ou qualquer outro título que achar conveniente; a igreja católica mantém uma hierarquia que vai desde o diácono, passando pelos padres, bispos, arcebispos, cardeais, até chegar ao papa.

A formação acadêmica é outra obrigatoriedade positiva dentro da igreja católica. Para se tornar um padre, o seminarista deve ter   formação acadêmica e em alguns casos até pós-graduação. Essa exigência garante que no futuro, o próximo papa será no mínimo um cardeal culto. Para alguém que dirige um império tão grande, onde seus seguidores vivem em países com culturas tão diferentes, ter uma formação acadêmica e ser poliglota é uma condição fundamental.

As decisões da igreja católica influenciam até mesmo pessoas que não são cristãs. A maioria das festas religiosas tiveram suas datas escolhidas pela igreja católica. A data do Natal foi escolhida para se adaptar a data de celebração do nascimento do deus sol, adorado no Império Romano no dia 25 de dezembro.

Até mesmo datas determinadas por Deus a igreja católica ousou alterar. O dia de descanso, que Deus ordenou que fosse o sábado, o catolicismo alterou para o domingo, dia de adoração do sol (por isso sunday, em inglês). O mesmo aconteceu com a Páscoa, que ao contrário do que muitos imaginam, é uma festa judia e não cristã. Deus determinou a Moisés que a Páscoa fosse comemorada no dia 14 de Nissan (primeiro mês do calendário judaico), mas a igreja católica resolveu mudar a data para o primeiro domingo após a primeira lua cheia, que ocorre após a primavera no hemisfério norte ou outono no hemisfério sul.

A renúncia do papa Bento XVI, em 28 de fevereiro de 2013 foi anunciada em praticamente todo o mundo, enquanto que poucos souberam que o primeiro ministro da Tunísia, Hamadi Jebali, renunciou em 19 de fevereiro de 2013. A Tunísia tem aproximadamente 163.610 km2, enquanto que o Vaticano tem apenas 0,50 km2.

No Brasil a influência da igreja é tão grande que a lei de nº 6.802 de 30 de junho de 1.980, decreta oficialmente o dia 12 de outubro feriado dedicado a devoção a Aparecida, e a reconhece como padroeira do Brasil. Isso em um país que se declara um estado laico, mas que é visivelmente católico. Nenhuma outra religião tem esse status.

Várias cidades e estados do país têm nome de “santos” católicos (São Paulo, São José dos Campos, Santa Catarina), e outras tem boa parte de sua economia derivada do turismo da igreja católica, como Ouro Preto, Tiradentes e São João Del Rey, em Minas Gerais ou Aparecida em São Paulo. E muitos municípios possuem como ponto turístico uma imagem do “Cristo” no ponto mais alto da cidade. A mais famosa é a do Cristo Redentor no  Morro do Corcovado no Rio de Janeiro, mundialmente conhecida. Claro, é uma imagem católica.

Mas a maior influência que o catolicismo tem no mundo atual, é o fato de que os livros da Bíblia que usamos até hoje, foram escolhidos pela Igreja Católica no Concílio de Laodicéia, em 363 (o livro de Apocalipse só foi aceito em 397 no Concílio de Cartago).

Tudo isso prova que o domínio da igreja católica não acabou com a Revolução Francesa. O que mudou foi só a forma de dominação.

02/03/2013 - Posted by | Religião | , ,

22 Comentários »

  1. Airton, estava tão gostozinho de ler, tão pedagógico, tão charmoso que lamentei chegar ao fim.
    Podia ter explorado mais. O tema estava bastante interessante.
    Que tal um capítulo II?

    Comentário por Leila | 06/03/2013 | Responder

    • Olá Leila, posso sim escrever mais coisas já que esse é o desejo. Normalmente os textos que escrevo sempre mostram os problemas dentro da igreja católica. Eu quis mostrar desse vez que apesar de tudo, existem muitas coisas dentro da igreja católica, que deveriam ser copiados por outras religiões. Mas vou pensar em prosseguir com o assunto sim.
      Obrigado.

      Comentário por Airton | 06/03/2013 | Responder

  2. O domínio católico, não acabou com a revolução francesa; mas, acabará muito em breve, com a volta de Jesus Cristo, na guerra do “Armagedão”. Todas as religiões falsas serão destruidas (Apoc. cap. 17-20). Ficará um só povo a babitar a terra: O povo que aceitar servir a Deus, fazer a sua vontade inspirada na Bíblia e, seguir os exemplos ensinados pelo filho de Deus: Jesus, quando esteve na terra (João 11:25,26).
    E, Danie 2:44 diz: nos dias daqueles reis, o Deus do céu, estabelecerá um reino, que jamais será arruinado. E o próprio reino, não passará a qualquer outro povo. Esmiuçará e porá termo a todos estes reinos, e ele mesmo, ficará estabelecido por tempos indefinidos.l

    Comentário por Maria Barbosa | 25/07/2013 | Responder

    • Mais lá não cita o nome da igreja católica, aliais foi ela quem cupilou a bíblia para vocês ficarem falando mal. Vai é pagar o dízimo para o pastor porque “quem não paga vai para o inferno”, pense antes de falar mal da igreja romana pois ela tem mais de 2.000 anos e não 10.

      Comentário por Rodrigo queiroz | 24/05/2014 | Responder

      • se voce soubece o que a igreja catolica pratica nao ficaria defendendo esse imperio pulitico e financeiro voce sabe porqaue o brasil e pobre? e a europa rica? os padres jesuitas roubavam ouro diamante e prata e pau brasil pra mandar pro papa essa igreja e pura idolatria tenho pena de certos catolicos que sao gente boa exemplos a se seguir mas a cupula da organizacao vivem de manipular a fe das pessoas

        Comentário por egon emmer | 25/04/2015

  3. Muito longe de ser sem querer, mas foi propositadamente para ter o poder e fortalecer o império que o cristianismo foi criado

    Comentário por fatima | 28/06/2014 | Responder

    • lamentavelmente, quando leio artigos semelhantes consigo perceber dois pontos importantes: 1º ou estas pessoas que se chamam cristãs nao conhecem a biblia ou nao conhecem a historia biblica, do cristianianismo ou nao conhecem a historia da sua proria dita igreja. alguns adventistas, percebo eu, nas suas afirmaçoes identificam-se mais com o judaismo que com o cristianinsmo. entre uma Igreja com uma solida historia de 2.000 anos, que estruturou a biblia completa nas linguas tradicionais e uma “igreginha” de 10, ou 20 anos, qual delas é a depositaria dos fundamentos do cristianismo e da bliblia? pensem e estudem muito….

      Comentário por joao Ndoze | 19/01/2015 | Responder

  4. A paz de Nosso Senhor Jesus Cristo,

    O imperador Constantino NÃO fundou a Igreja Católica. A Igreja Católica Apostólica Romana foi fundada pelo apóstolo Pedro e seu primado foi dado por Jesus Cristo (““Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela;
    E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.” – Mateus 16:18-19). Pedro foi o primeiro Bispo de Roma e, portanto, o primeiro Papa. E a Igreja Católica NÃO idolatram às imagens e nem tampouco tem os santos como deuses, apenas honram a memória daquela pessoa, o que se difere muito da Latria, que significa adoração, e essa prática existe desde os primórdios do cristianismo.

    Comentário por Iago Petruccio | 22/04/2015 | Responder

    • A Igreja Catoloica não idolatra santos?

      Comentário por Paulo Montilia | 15/05/2015 | Responder

    • Pedro nao fundou igreja nenhuma, Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo.

      Comentário por Luis Bernardo | 29/09/2015 | Responder

  5. primeiro pedro nunca foi papa o primeiro papa surgiu no concilio de niceia no ano 325 dc pedro morreu bem amtes e seele foi papa porque a igreja catolica nao batiza como ele batizou que e em nome do senhor jesus cristo atos 2 .38 e nao reconhece que jesus e DEus e nao uma segunda pessoa da santicima trindade alias nunca se mencionou isso na biblia a palavra trindade e tem mais o papa e o anti cristo e a igreja catolica o mair centro de macumba do mundo esta e a verdadeira ingreja do diabo

    Comentário por egon emmer | 25/04/2015 | Responder

  6. Para o Burro da Resposta de numero 5, leia Lucas 16,18. E depois estude a Historia da igreja católica. Ai vai ver ou perceber, se não for um ignorante, que realmente Pedro foi o primeiro Papa, que a palavra que dizer, Pedro Apostolo Príncipe dos Apóstolos. O Artigo tava tão bom ate um ser ponto. Depois começou a dar opinião propiá ai ficou fraca.

    Comentário por Felipe | 22/09/2015 | Responder

    • Olá Felipe, gostaria de agradecer por visitar nosso blog e deixar seu comentário. Porém gostaria de pedir que quando fizesse isso, não ofendesse nenhum dos outros leitores. O objetivo do blog não é esse. Você pode discordar de tudo o que foi escrito e deixar o comentário que desejar, mas por favor sem ofender outras pessoas.
      Quanto ao que colocou a respeito de ser opinião pessoal, a qual parte se refere?
      E em relação ao texto que você citou de Lucas 16:18 diz o seguinte: “Quem repudiar sua mulher e casar com outra comete adultério; e aquele que casa com a mulher repudiada pelo marido também comete adultério.”, ou seja, não tem nada a ver com o assunto em questão.
      Certamente se equivocou no texto.
      De qualquer forma, obrigado por visitar nosso blog.

      Comentário por Airton | 22/09/2015 | Responder

      • Seria Mateus?????

        Comentário por Luis Bernardo | 29/09/2015

  7. Impossivel hoje con tantas informacoe a igreja catolica continuar pregando tanta heresia e se manter, acredito na falencia dela

    Comentário por patricia | 09/10/2015 | Responder

  8. viva a igreja católica porque é unica igreja cristã onde o Deus verdadeiro habita,

    Comentário por GIURLAN MOREIRA DA SILVA | 01/12/2015 | Responder

  9. Diversas tentativas patéticas e absurdas da Igreja Romana em tentar adaptar a sua liturgia decadente aos tempos presentes, pois a mesma não acompanha pari passu o progresso da raça humana, além dos remendos frenéticos que os Cristãos em geral, sejam os mesmos Católicos ou Protestantes estão tentando efetuar com os farrapos do seu dogma, são nada mais nada menos que tragicômicos! Tal qual preconizou Carl Gustav Jung, o Cristianismo é um câncer judaico que infectou o mundo inteiro…

    Comentário por Rodrigo | 08/01/2016 | Responder

  10. A Igreja católica não está com esse poder todo. Apesar das reminiscências da cultura católica no Brasil, este país é laico e resistiu, inclusive há tempos atrás, a vontade do papa em tornar o ensino religioso obrigatório nas escolas. No mundo o numero de católicos decresce proporcionalmente e será ultrapassa do pelo evangélicos em 2040.
    Também não tem tanta influência política porque nemhum dos paísesais ricos é católico.

    Comentário por Evaldo | 02/03/2016 | Responder

  11. Caro Airton, eu ia ler seu texto, mas, logo na primeira linha parei. Eu não acreditei que você acredita que Constantino “fundou” a Igreja Católica. Certamente bebeu das lendas protestantes. Poderia me explicar a que Igreja pertenciam estes papas abaixo, de antes da tataravó de Constantino Nascer?
    1º Papa – São Pedro – de 37 a 67 morto por Nero
    2º Papa – São Lino – de 69 a 79 morto por Vespasiano
    3º Papa – São Cleto – de 79 a 92 morto por Domiciano
    4º Papa – S. Celemente – de 92 a 101 morto por Trajano
    5º Papa – St. Evaristo – de 101 a 107 morto por Trajano
    6º Papa – St. Alexandro – de 107 a 116 morto por Trajano
    7º Papa – S. Xisto – de 116 a 125 morto por Adriano
    8º Papa – S. Telésforo – de 125 a 138 morto por Adriano
    9º Papa – St. Higino – de 138 a 142 morto por Antonino
    10º Papa – S. Pio I – de 142 a 155 morto por Antonino
    11º Papa – St. Aniceto – de 155 a 166 morto por M. Aurélio
    12º Papa – S. Sotero – de 166 a 174 morto pro M. Aurélio
    13º Papa – St. Eleotério – de 174 a 189 morto por Comodo
    14º Papa – S.Vitor I – de 189 a 199 morto por S. Severo
    15º Papa – S. Zeferino – de 199 a 217 morto por Caracala
    16º Papa – S. Calixto I – de 217 a 222 morto por Heliogabalo
    17º Papa – St.Urbano I – de 222 a 230 morto por A. Severo
    18º Papa – S. Ponciano – de 230 a 235 morto por Alexandre Severo
    19º Papa – St. Antero – de 235 a 236 morto por Maximiano
    20º Papa – S. Fabiano de 236 a 250 morto por Décio
    21º Papa – S. Cornélio – de 251 a 253 morto por Treboniano
    22º Papa – S. Lúcio – de 253 a 254 morto por Valeriano
    23º Papa – St. Estêvão – de 254 a 257 morto por Valeriano
    24º Papa – S. Xisto II – de 257 a 258 – Morto por Valeriano
    25º Papa – S. Dionísio – de 259 a 268 – Não sofreu o martírio
    26º Papa – S. Félix – de 269 a 274 – morto por Aureliano
    27º Papa – S. Eutiquiano – de 275 a 283 – não sofreu o martírio
    28º Papa – S. Caio – de 283 a 293 – Não sofreu o martírio
    29º Papa – S. Marcelino – de 296 a 304 – Não sofreu o martírio
    30º Papa – S. Marcelo I – de 308 a 309 – morto por Constâncio
    31º Papa – St. Euzébio – de 309 a 310 – desterrado por Maxêncio
    32º Papa – S. Melquíades – de 311 a 314 – Este não foi morto – reinava Constantino I, o Grande

    Comentário por Fernando Nascimento | 12/03/2016 | Responder

    • Olá Fernando,
      em primeiro lugar gostaria de agradecer por seus comentários e por sua dúvida.
      Como sua dúvida não é referente ao papado, não vou me aprofundar nesse assunto, mas indico o seguinte post para você: https://airtonbc.wordpress.com/?s=primeiro+papa
      Quanto ao seu questionamento sobre a qual igreja pertenciam os “papas” a que você se referiu, a resposta é a seguinte: a igreja depois da morte de Jesus não era uma entidade organizada. Os discípulos, incluindo Pedro, eram cristãos e o cristianismo era considerado uma seita naquela época. Prova disso são as palavras de Paulo em Atos 24:14: ” Porém confesso-te que, segundo o Caminho, a que chamam seita, assim eu sirvo ao Deus de nossos pais, acreditando em todas as coisas que estejam de acordo com a lei e nos escritos dos profetas”.
      Pedro e todos que se seguiram depois dele eram considerados cristãos. Com a “conversão” do Imperador Romano Constantino ao cristianismo ele achou por bem organizar a igreja e criou regras e doutrinas que são seguidas pelos católicos de todo mundo até hoje.
      Ou seja, antes disso não existia igreja católica romanda, ortodoxa ou protestante. Eram todos considerados somente cristãos.
      Espero ter ajudado.
      E obrigado por visitar nosso blog.

      Comentário por Airton | 14/03/2016 | Responder

  12. SOU CATÓLICO E ACREDITO NA FORMA EM QUE A IGREJA TA ORGANIZADA, PROVA DISSO É MUITOS PASTORES VOLTANDO PARA A IGREJA CATÓLICA, DEPOIS QUE LEEM REALMENTE A BÍBLIA. ANTIGAMENTE SÓ SAIA HOJE ELES VEM PARA A IGREJA VERDADEIRA, POIS ESTA BEM CLARO CATOLICISMO E SINAL DE JESUS OU SEJA CERTEZA DE SALVAÇÃO.

    Comentário por GIURLAN MOREIRA DA SILVA | 19/04/2016 | Responder

  13. Acredito que não é importante discutir que religião está correta, o importante é saber que Cristo morreu em sacrifício para que todo aquele que Nele crer e confesse-o como o seu “único e suficiente salvador da sua vida” seja salvo, vivendo conforme seus mandamentos, no qual Ele resumiu em dois, “Amarás teu Deus de todo coração, e a teu próximo como a ti mesmo”(Mt 22.36-40). Viva isso e vocês estarão vivendo o verdadeiro Cristianismo. Deixe Cristo transformar a sua vida, entre suas causas a Ele e você ficará maravilhado com o que Ele pode fazer por você.

    Comentário por Maria Rozicléia da Trindade Olieira | 11/06/2016 | Responder


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: